×

Solicitar Orçamento

Atendimento Imediato
(horário comercial)

Estamos enviando sua solicitação.
Por favor, aguarde...
Recebemos sua solicitação.
Logo entraremos em contato.
Ops.
Os dados do formulário estão incorretos.
Ocorreu um erro na solicitação.
Recarregue a página e tente novamente ou entre em contato com nosso suporte.

Gripe Canina, você conhece?

Você já ouviu falar da gripe canina? Com a chegada do inverno, surgem as baixas temperaturas e o clima seco. Essa combinação pode causar uma série de doenças respiratórias no seu pet. Entre elas, e uma das mais comuns é gripe canina”, uma doença que atinge o sistema respiratório canino e pode desencadear outros problemas de saúde.

Como o próprio nome já diz, os sintomas da doença são muitos semelhantes à gripe humana, sendo a tosse o principal deles.

A doença ainda tem um fator que precisa de atenção: debilita o sistema imunológico do animal, fazendo com que ele fique mais propenso a desenvolver outras doenças em simultâneo, ou até mesmo o agravamento do problema respiratório para uma pneumonia, por exemplo.

Maiores detalhes sobre a doença? Continue a leitura e conheça quais os sintomas, como prevenir e tratar!

Sintomas da Gripe Canina

Antes de falarmos sobre os sintomas propriamente ditos, é importante saber de uma informação: 2 a cada 10 cachorros infectados não desenvolvem os sinais clínicos da doença, ou seja, não sofrem com ela. Entretanto, ainda assim podem contaminar outros animais. Por isso a necessidade de exames regulares!

Os sintomas mais característicos da doença, são:

  • Tosse contínua – que pode ser confundida com engasgos, podendo ocorrer vômitos.
  • Coriza/corrimento nasal;
  • Espirros;
  • Febre;
  • Letargia;
  • Falta de apetite.

Ao detectar algum desses sinais, traga o seu companheiro a SnowVet. Afinal, além do perigo da gripe canina, outras doenças também possuem esses sintomas, como a pneumonia.

Prevenção da Gripe Canina

Atualmente, as formas de prevenção contra a gripe canina são simples e muito eficazes. Elas giram em torno de duas grandes ações: a vacinação e o fortalecimento imunológico do PET.

Além disso, é importante também evitar o contato com animais infectados.

A vacinação contra a gripe canina faz parte dos protocolos comuns e iniciais de vacinação de filhotes. Ou seja, basta você se assegurar que o cãozinho está devidamente vacinado.

Aqui na SnowVet, além de trabalhar com a vacina injetável, nós também trabalhamos com a Nobivac Kc, uma vacina intranasal indolor de dose única, e com 72h o animal já está imune.

O fortalecimento imunológico pode ser realizado atentando para a boa alimentação do pet, e com o reforço da suplementação. Para essa última, consulte nossos médicos veterinários e detecte quais nutrientes o animal necessita suplementação.

Tratamento da gripe canina

O tratamento é realizado a base de medicamentos específicos para o trato da doença e que auxiliam o fortalecimento do organismo do animal como um todo.

Em casos mais extremos, medicamentos específicos para o tratamento de órgãos debilitados devido ao avanço da doença também podem ser receitados pelo veterinário. É muito importante que todo o tratamento seja receitado por um médico veterinário, assim como o diagnóstico. Somente dessa forma é possível garantir uma recuperação rápida, efetiva e sem maiores complicações.

“Gripe” incomoda, mas com a devida atenção ela logo vai embora

Assim como para nós humanos, a doença pode causar muito desconforto e desânimo. Durante o início do tratamento, não se surpreenda se o animal ainda se mostrar cansado e em repouso. Permitir essas ações e não forçar a atividade física do animal, na maioria das vezes, são ótimos “remédios” para a recuperação do seu amigão. Mas mais uma vez: os médicos veterinários são essenciais em todo o processo!



Deixe um comentário